salario emocional

Salário Emocional: um complemento ao salário económico

Published On: 29 Julho 2021

Trabalhar apenas por dinheiro é uma ideia do passado. As novas gerações procuram muito mais do que um salário ao fim do mês. Evidentemente isto não quer dizer que as retribuições não são importantes, ou que não devam ser justas, apenas que há complementos às mesmas. Hoje em dia para atrair e reter o talento é necessário ter em conta retribuições destinadas a melhorar o bem-estar e a qualidade de vida do trabalhador, levando o trabalhador a fazer um “contrato psicológico” com a empresa. Este conceito que apenas surgiu a alguns anos, chama-se salário emocional.

Esta é também uma forma de garantir o compromisso com a empresa e melhorar a motivação. Além do mais, está comprovado que muitas vezes este tipo de retribuição diminui absentismo no trabalho. A felicidade do trabalhador é fulcral para que o trabalhador não troque a empresa apenas por motivos económicos. Com uma menor rotação de pessoal as empresas reduzem custos na seleção e formação, além de muitas vezes serem às mais desejadas para trabalhar.

Podemos dividir o salário emocional em três áreas. Bem-estar psicológico do trabalhador, conciliação laboral e oportunidades de auto desenvolvimento.

 

Muito mais do que retribuição económica

 

Manter a felicidade dos trabalhadores é fundamental para a retenção dos mesmos. Estes são alguns dos exemplos de salário emocional que as empresas podem oferecer:

 

  • Teletrabalho – Evitar deslocamentos, ganhando tempo e conseguir conciliar a vida familiar com o trabalho, faz com este seja uma das retribuições mais requisitadas e já usada em antes da pandemia por grandes empresas.
  • Flexibilidade horária – Embora não seja compatível com todas as atividades laborais, melhora a produtividades e eficácia. Isto porque facilita o facto de termos horas mais produtivas diferentes e com a flexibilidade podemos adaptar o nosso horário de trabalho a essas horas.
  • Formação – Para que os trabalhadores se mantenham atualizados, ganhem novos skills e possam até ter novas funções dentro da empresa.
  • Oferecer atividades de lazer e vida saudável – Favorecem a felicidade e reduzem o stress. Entre estas atividades podemos encontrar aulas de ginástica, oferecer fruta no local de trabalho, ou ainda mesas de pingue-pongue, videojogos, entre outros.
  • Local de trabalho agradável – Proporcionar toda a comodidade possível no local de trabalho. Luz natural, plantas, zonas de chill out, etc.
  • Reconhecimento pessoal – Ter o reconhecimento regula dos nossos superiores nas tarefas que executamos no dia-a-dia. Esta medida não tem custo e é igualmente eficaz.

Compartilhe este artigo

Recent Posts